ES

ES

APRESENTAÇÃO

NO AR DESDE 01 DE JANEIRO DE 2014

Neste momento você também pode receber a Jesus Cristo como Salvador, simplesmente conversando com Ele… Em suas próprias palavras, diga de coração para Deus:

Deus, eu reconheço que tenho pecado contra Ti. Por favor, perdoa-me! Eu creio que Jesus Cristo morreu e ressuscitou para pagar o preço pelo meu pecado.
Jesus, entra em meu coração e purifica-me do meu pecado. Neste momento eu confio em Ti como meu único e suficiente Salvador.

Se você orou assim, e foi sincero, você hoje "nasceu de novo" na família de Deus, de acordo com 2 Coríntios 5.17: "E assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura: as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas."

Email

pastoraelianefcr@gmail.com

FALE COM A PASTORA QUI

sábado, 9 de dezembro de 2017

ESTUDO ESCATOLOGIA IV – LIÇÃO 4

0 comentários

LIÇÃO 4 –  O JUÍZO DAS TROMBETAS E DAS TAÇAS

Texto devocional: Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer darei a comer do maná escondido, e dar-lhe-ei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito, o qual ninguém conhece senão aquele que o recebe. (Carta à Igreja de Pérgamo, Ap 2.17)

[1]       Revisão:
a.  1º selo: cavalo branco – anti-Cristo;
b.  2º, 3º e 4º selos: cavalos – referência a juízo: guerra, fome, morte; 
c.   5º selo: referência aos mártires da igreja;
d.  6º selo: referência ao dia do Senhor e à 2ª vinda de Jesus;

[2]       Abertura do 7º Selo:
a.  há silêncio no céu: manifestação de expectativa e reverência; 
b.  7 anjos recebem 7 trombetas: anunciam os julgamentos de Deus;   
c.   orações dos santos:  são oferecidas no altar de ouro e o incenso é lançado sobre a terra provocando trovões, vozes, relâmpagos, e terremotos;
d.  selos: as forças liberadas pela abertura dos selos estarão em ação durante o juízo das trombetas e das taças;

[3]       Trombetas:
a.  dividem-se em 2 grupos:
i.     as quatro primeiras atingem a natureza;
ii.    as três últimas (também chamadas de ais) atingem os homens ímpios “os que moram na terra" (3.10; 6.10; 11.10; 13.8; 17.2);
b.  características: atingem cerca de 1/3 do alvo; tem o objetivo de julgar e produzir arrependimento;
c.   relação com pragas do Egito: figura do juízo de Deus sobre os ímpios - água se transformam em sangue; escuridão;

[4]       Efeitos das trombetas:
a.  1ª trombeta: atinge a terra e queima 1/3 da vegetação da terra;
b.  2ª trombeta: atinge o mar; mata 1/3 da vida marinha e 1/3 dos navios;
c.   3ª trombeta: atinge 1/3 da água doce; mata muitas pessoas (ver Jr 9.15);
d.  4ª trombeta: atinge 1/3 do sol, da lua e das estrelas; produz escuridão; a luz do dia diminuirá para cerca de 16 horas;
e.  5ª trombeta (1º ai): um anjo abre o abismo e libera seres que têm poder de ferir os homens que adoram a besta durante 5 meses; (Lc 10.19; Jl 2.4-10);
f.    6ª trombeta (2º ai): atinge o Rio Eufrates e solta 4 anjos malignos, líderes de um exército demoníaco de 200 milhões que matam 1/3 dos ímpios (9.15) por meio de fogo, fumaça e enxofre;
g.  7ª trombeta (3º ai): o reino de Cristo é anunciado; adoração e louvor; 



QUADRO COMPARATIVO DAS TROMBETAS E DAS TAÇAS:

 

TROMBETA
ALVO
EFEITOS

EFEITOS
ALVO
TAÇA
1ª trombeta
saraiva e fogo sobre a Terra;
queimou 1/3 terra, vegetação (árvores e ervas);
Úlceras malignas e perniciosas
Terra e adoradores da besta
1ª taça
2ª trombeta
grande montanha em chamas cai no mar;
1/3 da águas se tornam sangue; morre 1/3 da vida marinha; destrói 1/3 das embarcações;
As águas do mar se tornam em sangue e mata toda a vida marinha
Mar
2ª taça
3ª trombeta
Grande estrela em chamas cai sobre rios e água doce;
1/3 se torna absinto; morte de muitas pessoas;
As águas se tornam em sangue
Rios e fontes de água doce
3ª taça
4ª trombeta
Fere o 1/3 do sol, lua e estrelas;
1/3 do dia e da noite na escuridão;
Queimar os homens com intenso calor; blasfêmias;
sol
4ª taça
5ª trombeta – 1º ai
Anjo solta seres ferozes do abismo;
Ferir os homens que não têm o selo de Deus por 5 meses sem matar;
Escuridão e os homens remordiam a língua de dor; blasfêmias;
Trono da besta
5ª taça
6ª trombeta – 2º ai
Soltos os quatro anjos do Eufrates: fogo, fumaça e enxofre;
200 milhões de soldados matam 1/3 dos homens; os demais não se arrependem;
Reis do oriente: ajuntam os reis para a batalha do Armagedom 
Eufrates
6ª taça
7ª trombeta – 3º ai

Louvor e adoração; abre-se o santuário de Deus; relâmpagos, vozes, trovões, terremoto e grande saraivada; 
relâmpagos, vozes, trovões, grande terremoto destrói muitas cidades; grande saraivada 
Ar
7ª taça


PROXIMA LIÇÃO - LIÇÃO 5 – AS BESTAS DO APOCALIPSE 

Levando Jesus em mensagem De 3 minutos 09/12/17

0 comentários

ESTUDO ESCATOLOGIA III – LIÇÃO 3

0 comentários

LIÇÃO 3 – A ABERTURA DOS SELOS E OS SERVOS DE DEUS

Texto devocional: “Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: O que vencer não receberá o dano da segunda morte.” (Carta à Esmirna Ap 2.11)

[1]       Abertura dos selos:
a.  Abertura: os selos não revelam o conteúdo do livro, mas liberam as forças que estarão em ação durante o julgamento da grande tribulação: a guerra, a forme e todo tipo de praga que resultará em juízo e morte;
b.  Conteúdo dos selos: pano de fundo em Zacarias 6.1ss;
i.     1º selo: cavalo branco – anti-Cristo ou evangelização do mundo??? A figura do arco nunca está associada a Deus, a Cristo ou à igreja.
ii.    2º, 3º e 4º selos: cavalos – referência a juízo – anjos que recebem poder para causar dano na terra e no mar (7.2)
iii.  5º selo: referência aos mártires da igreja;
iv.  6º e 7º selo: referência ao dia do Senhor e à 2ª vinda de Jesus

c.   Efeitos dos selos:

SELO
DESCRIÇÃO / EFEITOS
1º Selo
Cavalo branco: cavaleiro armado com arco para vencer; conquista
2º Selo
Cavalo vermelho: cavaleiro armado com espada para tirar a paz da terra; guerra
3º Selo
Cavalo preto: cavaleiro com uma balança indicando fome, escassez e carestia; escassez e crise econômica
4º Selo
Cavalo amarelo: cavaleiro chama Morte tem poder para matar ¼ da população da terra (guerras, fome, peste e feras); mortandade
5º Selo
Visão dos mártires: promessa de vingança; justiça
6º Selo
Terremoto, efeitos no sol, na lua e nas estrelas; o céu se abre e há forte abalo na terra, nas ilhas e nos mares; pânico entre as nações;
7º Selo
Silêncio no céu

d.  Comparação com Sermão Profético:

Mateus 24
Apocalipse 6
v. 4-5 – falsos cristos e engano;
cavaleiro armado com arco para vencer; conquista
v. 6-7 – guerras e rumores de guerras; nação contra nação, reino contra reino;
espada para tirar a paz da terra; guerra
v. 7 – fome;
fome, escassez e carestia;
V 8 – guerra, fome e terremotos em vários lugares;
Morre ¼ da população da terra (guerras, fome, peste e feras);
9-13: perseguição, martírio, ódio, traição e falsos profetas e apostasia
Visão dos mártires: promessa de vingança; justiça
29-31: “o sol escurecerá , e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas.”
12-17: efeitos no sol, na lua e nas estrelas; o céu se abre e há forte abalo na terra, nas ilhas e nos mares; pânico entre as nações;


[2]       Os servos de Deus:
a.  Povo comprado para Deus (5.9): costume de resgatar escravo para uma divindade perante a qual o preço era pago; a expressão “tribo, língua, povo e nação” aquela altura era profética quanto à expansão do reino de Deus;

b.  Os 144 mil selados em Ap 7.1-8:
i.     Cenário: terra
ii.   Origem: tribos de Israel nacional
iii. Identidade: judeus remanescentes que se converterão a Cristo
iv.  Relação com igreja: Israel distinto da igreja ou símbolo da igreja?
v.    Selo de Deus: contraste com a marca da besta; não sofrem os danos no juízo de Deus sobre a terra durante a grande tribulação;

c.   Os 144 mil selados em Ap 14.1-5:
i.     Cenário: estão no céu diante do Cordeiro (v.1), junto com o seres viventes e dos anciãos (v.3), selados com o nome de Deus e de Cristo e cantam um novo cântico exclusivo (v 3.b);
ii.    Origem: comprados da terra (v. 3.c);
iii.  Identidade: homens puros e virgens, sem mácula, redimidos dentre os homens e primícias para Deus e para o Cordeiro (v.4,5);

d.  Santos da tribulação (7.9-17):
i.     Cenário: céu
ii.    Origem: de todas as nações, tribos, povos e línguas;
iii.  Identidade: salvos crentes em Cristo;
iv.  Relação com a igreja: salvos durante a perseguição da Grande Tribulação;

e.  Cântico de Moisés (15.1-4):
i.     Cenário: céu
ii.    Origem: de todas as nações, tribos, povos e línguas;
iii.  Identidade: vencedores da besta, da sua imagem e do número do nome;
iv.  Relação com a igreja: salvos durante a perseguição da Grande Tribulação;

f.    Numerosa multidão (19.1-10):
i.     Cenário: estão no céu, junto com o seres viventes e anciãos (v 1, 4, 5);
ii.    Origem: de todas as nações, tribos, povos e línguas;
iii.  Identidade: a noiva do Cordeiro formada por todos os servos de Deus; Relação com a igreja: salvos durante a perseguição da Grande Tribulação;
 
AS SETE BEM-AVENTURANÇAS NO APOCALIPSE

1)      Bem-aventurado os que lêem e os que ouvem e guardam a profecia deste livro (1.3).
2)      Bem-aventurado os mortos, que morrem no Senhor (14.13).
3)      Bem-aventurado aquele que vigia (arrebatamento) – (16.15).
4)      Bem-aventurado aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro (19.9).
5)      Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição (20.6).
6)      Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro (22.7).
7)      Bem-aventurado aqueles que lavam as suas vestiduras no sangue do Cordeiro (22.14).


LEIAM O ESTUDO IV - LIÇÃO 4

Pastora Eliane (Jó)

Minha lista de blogs

REGISTRE SUA VISITA AQUI