APRESENTAÇÃO

NO AR DESDE 01 DE JANEIRO DE 2014

Neste momento você também pode receber a Jesus Cristo como Salvador, simplesmente conversando com Ele… Em suas próprias palavras, diga de coração para Deus:

Deus, eu reconheço que tenho pecado contra Ti. Por favor, perdoa-me! Eu creio que Jesus Cristo morreu e ressuscitou para pagar o preço pelo meu pecado.
Jesus, entra em meu coração e purifica-me do meu pecado. Neste momento eu confio em Ti como meu único e suficiente Salvador.

Se você orou assim, e foi sincero, você hoje "nasceu de novo" na família de Deus, de acordo com 2 Coríntios 5.17: "E assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura: as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas."

Email

pastoraelianefcr@gmail.com

FALE COM A PASTORA QUI

sábado, 29 de abril de 2017

AMIGOS DE VERDADE SÃO PARA SEMPRE.

1 comentários





Tem uma frase que diz assim:
Faça da sua ausência o bastante para que alguém sinta sua falta, mas não se ausente tanto para que esse alguém não descubra que pode viver sem ti.
Questionei por um bom tempo esta frase pois acreditava que quando AMAMOS de fato alguém a ausência só aumenta a saudade.
Mas as experiências vivenciadas me deram uma visão diferentes:
Perdi pessoas para o tempo, levadas desta vida, e de fato minha teoria se confirma, a saudade a cada dia cresce e o amor aumenta mais e mais.

Mas também experimentei a perda de pessoas que eu amei de todo coração, pessoas AMIGAS da qual eu sempre quis muito bem e chegava pensar que se perdêssemos o contato não seria fácil a vida sem elas.
Mas acontece que o AMOR é um sentimento que precisa ser regado, cuidado, e recíproco.
Estou falando de AMOR de pessoas AMIGAS.

Quando se ausentaram, de princípio até sofri, mas com o tempo comecei a perceber que o AMOR, a AMIZADE era só de minha parte, só eu procurava, só eu sentia falta, só eu me lembrava de datas especiais, só eu regava este jardim.

Até que cansei, e aprendi que, AMIZADE é diferente de AMOR,  se não for reciproco, não dura para sempre e o tempo apaga sim.
Restando apenas o AMOR CRISTÃO.
Que precisamos nutrir por todos os irmãos em Cristo Jesus.

AMIGOS  de verdade cuida para ser cuidado, ama, para ser amado, trata, para ser tratado, lembra, para ser lembrado.
AMIGOS de verdade SIM são para sempre e não deixa que a ausência ou o tempo destrua a sua verdadeira essência.


Pra. Eliane F.C.Ramos

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Lucas 10 MARTA E MARIA

0 comentários

terça-feira, 25 de abril de 2017

APRENDENDO TOCAR VIOLÃO

0 comentários

domingo, 23 de abril de 2017

A MULHER QUE DESAFIOU DEUS.

0 comentários

sexta-feira, 21 de abril de 2017

PASTOR TAMBÉM É OVELHA.

0 comentários




Chamados por Deus para apascentar, os líderes Ministeriais também precisam ser cuidados, tendo apoio da família, da igreja de amigos, das suas ovelhas e até  de outros pastores.
Pelo menos assim deveria ser.
Muitas vezes tidos como “super-heróis”, os pastores, afinal, também podem ser considerados como ovelhas?
Sim,
Os líderes ministeriais estão sob o cajado  e os cuidados do Senhor.
E mais, eles têm fragilidades, dificuldades, medos, precisam de ajuda e da família e de compartilhar suas experiências a fim de desenvolver com plenitude seu trabalho.
Os líderes ministeriais também são ovelha quando enfrenta momentos de conflitos interiores e não tem um grupo de apoio para receber ajuda.
Também são ovelha quando enfrenta crise financeira e não pode se abrir com ninguém com medo de ser julgado.
São ovelhas quando ficam emocionalmente fragilizado por problemas na igreja e ao invés de ajuda, so recebem cobranças.
São ovelhas quando se sente incapazes, sozinhos  para um desafio ministerial novo.
O único problema e triste é quando um Pastor ou pastora não pode se mostrar frágil para o rebanho, pois pode perder o respeito ou de ser trocado por outro líder que se apresente mais forte pois o rebanho não os olha como seres humanos mas pensam que pastores devem ser como máquinas que não tem vida própria nem sentimentos.
 Saibam que o homem ou a mulher atrás do púlpito também “é uma ovelha” do rebanho de JESUS, porém que nem sempre tem quem cuide dela.
O pastor é uma ovelha que corre riscos mas que qualquer outra ovelha.
Ele tem todas as fragilidades de uma ovelha comum, porém, sua situação é agravada pela sobrecarga ( precisa se sacrificar pela igreja), pela vulnerabilidade (procurando se mostrar sempre forte e algumas vezes se dedicam tanto que acaba não se protegendo como deveria) e  (por ser um líder, não pode agir pela amizade e com isso perde algumas amizades)”.
Não é errado um PASTOR (A) cuidar primeiro de sí depois da Igreja ou do rebanho, isso ordenança é bíblica e muitos pastores e líderes estão se enfraquecendo por se entregarem completamente ao ministério e não cuidarem de si, de suas vidas, de seu espírito.
Atos 20.28, que diz: ‘Cuidem de vocês mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo os colocou como bispos, para pastorearem a Igreja de Deus, que Ele comprou com o Seu próprio sangue’.
Perceba que é um mandamento sequencial, cuide de si e do rebanho.
A segunda passagem é I Tm 4.16: ‘Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina.
Mais apoio.

É  fundamental na vida de Um (a) Pastor (a) o apoio das famílias e amigos e de outros pastores  mas o que vem acontecendo tem enfraquecido cada vez mais os Pastores (as) nos dias atuais, pois os lideres invejando mais que incentivando seu companheiro de ministério, a família que ao invés de abraçar e apoias criticam e abandonam, os amigos  se afastam, só buscam quando precisam, depois que são abençoados vão para outro lugar, outra igreja muitas vezes mais bonita maior abandonando aquela mão que foi considerada salvadora no momento da tribulação (quanta ingratidão) Será que pensão que Deus não está vendo isso. ELE ESTA SIM,
 “Nos dias atuais está cada vez mais difícil ser um Pastor (a), pois só podemos compartilhar nossas angústias e medos com Deus. 
O que muita gente não sabe é que o cansaço mental e emocional, que traz como consequência o cansaço físico, é muito frequente no ministério Pastoral.
O ministério exige bastante da mente e das emoções em decorrência dos constantes desafios enfrentados e flutuações emocionais das atividades o que mais sofre um (a) Pastor (a) é com a chamada ingratidão.
Quanto mais pudermos amar, respeitar, reconhecer e ajudar os (as) pastores (as) , mais eles  serão saudáveis, felizes  e firmes, e mais ovelhas serão salvas direta e indiretamente”.

quarta-feira, 12 de abril de 2017

SIM AO MINISTÉRIO PASTORAL FEMININO A LUZ DA BÍBLIA

0 comentários



PASTOREADO FEMININO Há uma confusão muito grande sobre a consagração e ordenação de mulheres ao ministério pastoral. Este é um tema complexo que um post como esse não resolveria, aliás, nem um tratado teológico sobre o assunto resolveria o problema. Mas, aqui, trago algumas considerações sobre o meu apoio para a benção dos líderes sobre o ministério pastoral feminino. As considerações que faço sobre o meu apoio ao ministério pastoral feminino, sem considerar se é apenas ministerial, ou, também, burocrático, são essas.
1° A vocação ministerial é para todos os sacerdotes santos.
O sacerdócio é para todos os santos. Todos, homens e mulheres, foram chamados para servir a Deus e a Sua obra. Em cristo não distinção entre clero e laicato, homens e mulheres. Neste sentido a mulher pode exercer o sacerdócio pastoral.
2° A vocação ministerial é um dom.
O ministério pastoral é um dom dado por Deus a quem ele quiser. Se Deus por sua soberana vontade conceder esse dom a uma mulher, quem somos nós para não impormos as mãos e abençoá-las como pastoras. Se o desempenho da mulher no trabalho pastoral confirma o seu chamado pastoral, porque não consagrá-la. É interessante que ungem-se evangelistas, missionárias, cooperadoras e até doutoras, mas não pastoras, penso que há uma hipocrisia nisto. Consagram-se diaconisas, mas não pastoras, sendo que ministério pastoral é diaconia.
3° Os dons espirituais são concedidos pelo Espírito Santo a toda carne.
Os dons que são necessários para o ministério pastoral são concedidos a todos, sem discriminação. Homens e mulheres possuem dons espirituais. É interessante que na Igreja as mulheres exercem com os seus dons todo tipo de liderança e, porque não, exercer, também a liderança pastoral.
4° Serviço ministerial feminino é evidenciado pelas Escrituras.
Febe era serva da Igreja, uma mulher digna de ser chamada santa, uma mulher que auxiliava muita gente e até mesmo o apóstolo Paulo na Igreja. Uma mulher recomendada à Igreja pelo apóstolo. Priscila era uma colaboradora de Paulo no evangelho, uma mulher que arriscava a vida pela obra. Tinha uma igreja em sua casa e era uma mulher que tinha sabedoria para ensinar a palavra, que é uma prerrogativa para o ministério pastoral. Sem falar em Maria, que foi a primeira pessoa e ver o Cristo ressurreto e receber Dele a missão de anunciar a sua ressurreição. As escrituras apoiam o ministério feminino na Igreja.
5° As mulheres têm demonstrado capacidade para exercer o ministério pastoral.
A capacidade que as mulheres têm demonstrado para exercer o ministério pastoral é evidente. São muitas mulheres que, com amor e dedicação, cuidam do rebanho a elas confiado. Pregam com lucidez, visitam com amor, aconselham com sabedoria, lideram reuniões do conselho com maestria e em tudo são exemplos para o seu rebanho. Muitas mulheres sacrificaram a vida pela missão, evangelizaram, pregaram, fizeram discípulos, mas na hora de ministrar os sacramentos, batismo e ceia, ficavam à parte, para que um pastor realizasse esse trabalho. Na hora de “arrancar os tocos” na obra de evangelização as mulheres eram indispensáveis, no momento em que a igreja era formada, um pastor teria que ser chamado para pastorear a igreja, e a “missionária” tinha que sair para abrir novos caminhos para a propagação do Evangelho.
Ultimamente as coisas têm mudado muito, e as missionárias já podem ministrar os sacramentos e pastorear sozinhas uma igreja, só não podem ser chamadas de pastoras. Mas, isto mudará ainda mais, porque o ministério pastoral feminino está ganhando espaço, sem tirar o de ninguém, é claro.
Essas são apenas algumas considerações, de tantas outras, que fortalecem o ministério pastoral feminino, que dão apoio para que mulheres chamadas para o santo ministério pastoral apascentem o Rebanho do Sumo Pastor.
No que diz respeito a exercerem apenas ministerialmente, ou, também, burocraticamente, fica a cargo de cada denominação, e suas leis e regimentos internos.
Apenas no evangelho, em que discernimos o chamado para o ministério pastoral a todos.
Não a nada na Bíblia que condene o ministério pastoral FEMININO. Tem muita coisa pra igreja se preocupar e estudar e estão sempre ocupado com os ministérios pastoral das mulheres. Por que será? Fica a pergunta que não quer calar. Mas respondam as suas próprias consciências. Pastora Eliane F. C. Ramos - Ministério Casa de Oração Levando Jesus - Petrópolis/RJ


Pastora Eliane (Jó)

Minha lista de blogs

REGISTRE SUA VISITA AQUI