ES

ES

APRESENTAÇÃO

NO AR DESDE 01 DE JANEIRO DE 2014

Neste momento você também pode receber a Jesus Cristo como Salvador, simplesmente conversando com Ele… Em suas próprias palavras, diga de coração para Deus:

Deus, eu reconheço que tenho pecado contra Ti. Por favor, perdoa-me! Eu creio que Jesus Cristo morreu e ressuscitou para pagar o preço pelo meu pecado.
Jesus, entra em meu coração e purifica-me do meu pecado. Neste momento eu confio em Ti como meu único e suficiente Salvador.

Se você orou assim, e foi sincero, você hoje "nasceu de novo" na família de Deus, de acordo com 2 Coríntios 5.17: "E assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura: as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas."

Email

pastoraelianefcr@gmail.com

FALE COM A PASTORA QUI

sexta-feira, 13 de junho de 2014

I SAMUEL CAPÍTULO 8

0 comentários



Os israelitas pedem  um rei e Deus concede-o  

1 Ora, havendo Samuel envelhecido, constituiu a seus filhos por juízes sobre Israel.

2 O seu filho primogênito chamava-se Joel, e o segundo Abias; e julgavam em Berseba.

3 Seus filhos, porém, não andaram nos caminhos dele, mas desviaram-se após o lucro e, recebendo peitas, perverteram a justiça.

4 Então todos os anciãos de Israel se congregaram, e vieram ter com Samuel, a Ramá,

5 e lhe disseram: Eis que já estás velho, e teus filhos não andam nos teus caminhos. Constitui-nos, pois, agora um rei para nos julgar, como o têm todas as nações.

6 Mas pareceu mal aos olhos de Samuel, quando disseram: Dá-nos um rei para nos julgar. Então Samuel orou ao Senhor.

7 Disse o Senhor a Samuel: Ouve a voz do povo em tudo quanto te dizem, pois não é a ti que têm rejeitado, porém a mim, para que eu não reine sobre eles.

8 Conforme todas as obras que fizeram desde o dia em que os tirei do Egito até o dia de hoje, deixando-me a mim e servindo a outros deuses, assim também fazem a ti.

9 Agora, pois, ouve a sua voz, contudo lhes protestarás solenemente, e lhes declararás qual será o modo de agir do rei que houver de reinar sobre eles.

10 Referiu, pois, Samuel todas as palavras do Senhor ao povo, que lhe havia pedido um rei,

11 e disse: Este será o modo de agir do rei que houver de reinar sobre vós: tomará os vossos filhos, e os porá sobre os seus carros, e para serem seus cavaleiros, e para correrem adiante dos seus carros;

12 e os porá por chefes de mil e chefes de cinqüenta, para lavrarem os seus campos, fazerem as suas colheitas e fabricarem as suas armas de guerra e os petrechos de seus carros.

13 Tomará as vossas filhas para perfumistas, cozinheiras e padeiras.

14 Tomará o melhor das vossas terras, das vossas vinhas e dos vossos olivais, e o dará aos seus servos.

15 Tomará o dízimo das vossas sementes e das vossas vinhas, para dar aos seus oficiais e aos seus servos.

16 Também os vossos servos e as vossas servas, e os vossos melhores mancebos, e os vossos jumentos tomará, e os empregará no seu trabalho.

17 Tomará o dízimo do vosso rebanho; e vós lhe servireis de escravos.

18 Então naquele dia clamareis por causa do vosso rei, que vós mesmos houverdes escolhido; mas o Senhor não vos ouvirá.

19 O povo, porém, não quis ouvir a voz de Samuel; e disseram: Não, mas haverá sobre nós um rei,

20 para que nós também sejamos como todas as outras nações, e para que o nosso rei nos julgue, e saia adiante de nós, e peleje as nossas batalhas.

21 Ouviu, pois, Samuel todas as palavras do povo, e as repetiu aos ouvidos do Senhor.

22 Disse o Senhor a Samuel: Dá ouvidos à sua voz, e constitui-lhes rei. Então Samuel disse aos homens de Israel: Volte cada um para a sua cidade.


I SAMUEL CAPÍTULO 7

0 comentários



1 Vieram, pois, os homens de Quiriate-Jearim, tomaram a arca do Senhor e a levaram à casa de Abinadabe, no outeiro; e consagraram a Eleazar, filho dele, para que guardasse a arca do Senhor.


Samuel exorta ao arrependimento  

2 E desde o dia em que a arca ficou em Queriate-Jearim passou-se muito tempo, chegando até vinte anos; então toda a casa de Israel suspirou pelo Senhor.

3 Samuel, pois, falou a toda a casa de Israel, dizendo: Se de todo o vosso coração voltais para o Senhor, lançai do meio de vós os deuses estranhos e as astarotes, preparai o vosso coração para com o Senhor, e servi a ele só; e ele vos livrará da mão dos filisteus.

4 Os filhos de Israel, pois, lançaram do meio deles os baalins e as astarotes, e serviram ao Senhor.

5 Disse mais Samuel: Congregai a todo o Israel em Mizpá, e orarei por vós ao Senhor.

6 Congregaram-se, pois, em Mizpá, tiraram água e a derramaram perante o Senhor; jejuaram aquele dia, e ali disseram: Pecamos contra o Senhor. E Samuel julgava os filhos de Israel em Mizpá.


Os filisteus são vencidos  

7 Quando os filisteus ouviram que os filhos de Israel estavam congregados em Mizpá, subiram os chefes dos filisteus contra Israel. Ao saberem disto os filhos de Israel, temeram por causa dos filisteus.

8 Pelo que disseram a Samuel: Não cesses de clamar ao Senhor nosso Deus por nós, para que nos livre da mão dos filisteus.

9 Então tomou Samuel um cordeiro de mama, e o ofereceu inteiro em holocausto ao Senhor; e Samuel clamou ao Senhor por Israel, e o Senhor o atendeu.

10 Enquanto Samuel oferecia o holocausto, os filisteus chegaram para pelejar contra Israel; mas o Senhor trovejou naquele dia com grande estrondo sobre os filisteus, e os aterrou; de modo que foram derrotados diante dos filhos de Israel.

11 Os homens de Israel, saindo de Mizpá, perseguiram os filisteus e os feriram até abaixo de Bete-Car.

12 Então Samuel tomou uma pedra, e a pôs entre Mizpá e Sem, e lhe chamou Ebenézer; e disse: Até aqui nos ajudou o Senhor.

13 Assim os filisteus foram subjugados, e não mais vieram aos termos de Israel, porquanto a mão do Senhor foi contra os filisteus todos os dias de Samuel.

14 E as cidades que os filisteus tinham tomado a Israel lhe foram restituídas, desde Ecrom até Gate, cujos termos também Israel arrebatou da mão dos filisteus. E havia paz entre Israel e os amorreus.

15 Samuel julgou a Israel todos os dias da sua vida.

16 De ano em ano rodeava por Betel, Gilgal e Mizpá, julgando a Israel em todos esses lugares.

17 Depois voltava a Ramá, onde estava a sua casa, e ali julgava a Israel; e edificou ali um altar ao Senhor.


I SAMUEL CAPÍTULO 6

0 comentários




Os filisteus enviam a arca para fora da sua terra  

1 A arca do Senhor ficou na terra dos filisteus sete meses.

2 Então os filisteus chamaram os sacerdotes e os adivinhadores para dizer-lhes: Que faremos nós da arca do Senhor? Fazei-nos saber como havemos de enviá-la para o seu lugar.

3 Responderam eles: Se enviardes a arca do Deus de Israel, não a envieis vazia, porém sem falta enviareis a ele uma oferta pela culpa; então sereis curados, e se vos fará saber por que a sua mão não se retira de vós.

4 Então perguntaram: Qual é a oferta pela culpa que lhe havemos de enviar? Eles responderam: Segundo o número dos chefes dos filisteus, cinco tumores de ouro e cinco ratos de ouro, porque a praga é uma e a mesma sobre todos os vossos príncipes.

5 Fazei, pois, imagens, dos vossos tumores, e dos ratos que andam destruindo a terra, e dai glória ao Deus de Israel; porventura aliviará o peso da sua mão de sobre vós, e de sobre vosso deus, e de sobre vossa terra:

6 Por que, pois, endureceríeis os vossos corações, como os egípcios e Faraó endureceram os seus corações? Porventura depois de os haver Deus castigado, não deixaram ir o povo, e este não se foi?

7 Agora, pois, fazei um carro novo, tomai duas vacas que estejam criando, sobre as quais não tenha vindo o jugo, atai-as ao carro e levai os seus bezerros de após elas para casa.

8 Tomai a arca do Senhor, e ponde-a sobre o carro; também metei num cofre, ao seu lado, as jóias de ouro que haveis de oferecer ao Senhor como ofertas pela culpa; e assim a enviareis, para que se vá.

9 Reparai então: se ela subir pelo caminho do seu termo a Bete-Semes, foi ele quem nos fez este grande mal; mas, se não, saberemos que não foi a sua mão que nos feriu, e que isto nos sucedeu por acaso.

10 Assim, pois, fizeram aqueles homens: tomaram duas vacas que criavam, ataram-nas ao carro, e encerraram os bezerros em casa;

11 também puseram a arca do Senhor sobre o carro, bem como o cofre com os ratos de ouro e com as imagens dos seus tumores.

12 Então as vacas foram caminhando diretamente pelo caminho de Bete-Semes, seguindo a estrada, andando e berrando, sem se desviarem nem para a direita nem para a esquerda; e os chefes dos filisteus foram seguindo-as até o termo de Bete-Semes.


A arca chega a Bete-Semes (até 7:1)  

13 Ora, andavam os de Bete-Semes fazendo a sega do trigo no vale; e, levantando os olhos, viram a arca e, vendo-a, se alegraram.

14 Tendo chegado o carro ao campo de Josué, o bete-semita, parou ali, onde havia uma grande pedra. Fenderam a madeira do carro, e ofereceram as vacas ao Senhor em holocausto.

15 Nisso os levitas desceram a arca do Senhor, como também o cofre que estava junto a ela, em que se achavam as jóias de ouro, e puseram-nos sobre aquela grande pedra; e no mesmo dia os homens de Bete-Semes ofereceram holocaustos e sacrifícios ao Senhor.

16 E os cinco chefes dos filisteus, tendo visto aquilo, voltaram para Ecrom no mesmo dia.

17 Estes, pois, são os tumores de ouro que os filisteus enviaram ao Senhor como oferta pela culpa: por Asdode um, por Gaza outro, por Asquelom outro, por Gate outro, por Ecrom outro.

18 Como também os ratos de ouro, segundo o número de todas as cidades dos filisteus, pertencentes aos cinco chefes, desde as cidades fortificadas até as aldeias campestres. Disso é testemunha a grande pedra sobre a qual puseram a arca do Senhor, pedra que ainda está até o dia de hoje no campo de Josué, o bete-semita.

19 Ora, o Senhor feriu os homens de Bete-Semes, porquanto olharam para dentro da arca do Senhor; feriu do povo cinqüenta mil e setenta homens; então o povo se entristeceu, porque o Senhor o ferira com tão grande morticínio.

20 Disseram os homens de Bete-Semes: Quem poderia subsistir perante o Senhor, este Deus santo? e para quem subirá de nós?

21 Enviaram, pois, mensageiros aos habitantes de Quiriate-Jearim, para lhes dizerem: Os filisteus remeteram a arca do Senhor; descei, e fazei-a subir para vós.


Curso sobre a profecia

0 comentários


SEJA BEM-VINDO AO CURSO
O curso DESVENDANDO A PROFECIA possui 17 lições. Ele foi elaborado por teólogos, tais como: Luis Gonçalves, Rodrigo Silva, Rafael Rossi, Cirílo Gonçalves, Michelson Borges, Roberto Motta, José Carlos Ramos, Wellington Barbosa. O objetivo do curso é facilitar ao máximo o conhecimento sobre o Apocalipse.
Abaixo, você tem a primeira lição.
Preencha, no final da página, o formúlário para sua inscrição. Assim você poderá continuar o estudo.




Tema 01 – Desvendando o Livro

 A Bíblia é o maior dos livros. Nenhuma obra chega perto do que é e o que representa a Bíblia. Ao mesmo tempo algumas questões devem ser respondidas: Como a Bíblia chegou até nós? Quem a escreveu? Posso confiar no que ela me diz?
Existe um mecanismo pelo qual o conteúdo da Bíblia chegou até nós.
Revelação: é o ato divino pelo qual Deus revela aquilo que o homem não poderia descobrir por si próprio.
O propósito imediato da revelação é comunicação de informação.
Revelação é sempre teocêntrica, ou seja, tem Deus como centro e objetivo principal.
 O propósito final é trazer o homem a um relacionamento com Deus.
Inspiração: significa literalmente “o Espírito em”. É o ato divino , ou fenômeno, pelo qual Deus habilita o profeta a comunicar de forma confiável o que lhe foi revelado.
Iluminação: é o ato divino pelo qual Deus habilita qualquer pessoa a entender a mensagem profética.

O que é a Bíblia?
A palavra Bíblia vem do grego, através do latim, e significa: livros.
É uma coleção de 66 livros: 39 no Antigo Testamento e 27 no Novo.
A Bíblia foi traduzida para mais de 1500 idiomas e dialetos.
João Ferreira de Almeida traduziu pela primeira vez para o português o Antigo e o Novo Testamento.
Divisões: são blocos de pensamento que permeiam todo o conteúdo bíblico. O texto Sagrado apresenta diferentes estilos de escrita que se agrupam em blocos.

Antigo Testamento: livros escritos antes da primeira vinda de Jesus a terra.

Pentateuco:_______________
livros da lei escritos por Moisés.
Gênesis
Êxodo
Levítico
Números
Deuteronômio

Livros Históricos:
Josué
Juízes
Rute
1,2 Samuel
1,2 Reis
1,2 Crônicas
Esdras
Neemias
Ester

Livros Poéticos:
Salmos
Provérbios
Eclesiastes
Cantares


 
Profetas Maiores:
Isaías
Jeremias
Lamentações
Ezequiel
Daniel

Profetas Menores:
Oséias      
Joel
Amós
Obadias    
Jonas        
Miquéias    
Naum
Habacuque
Sofonias
Ageu
Zacarias
Malaquias

Novo Testamento: escritos depois da morte e ressurreição de Jesus.
Evangelhos:
Mateus
Marcos
Lucas
João
  Histórico:
Atos

Cartas ou Epístolas:
Romanos
1,2 Coríntios
Gálatas
Efésios
Filipenses
Colossenses
1,2 Tessalonicenses
1,2 Timóteo
Tito
Filemon
Hebreus
Tiago
1,2 Pedro
1,2,3 João
Judas

Profético: Apocalipse
A Bíblia foi escrita num período que abrangeu mais de 1600 anos e é uma obra de aproximadamente 40 autores.






 Evidências da originalidade da Bíblia:
Unidade: todos os autores bíblicos não se contradizem, mas os conteúdos somam o que Deus tem a dizer sobre diferentes assuntos que envolvem a salvação dos seres humanos.
Atualidade: a Bíblia é um livro que nunca se desatualiza.
Profecias: a Bíblia não apresenta hipóteses e nem generalidades, ela afirma exatamente o que será, como será e até o nome de quem fará.
Arqueologia: achados antigos comprovam a veracidade das histórias e conteúdo bíblico.
Poder Transformador: pessoas sem paz encontram esperança, vidas destruídas são restauradas mediante ao poder que a Bíblia tem.
O livro do Apocalipse
A Palavra Apocalipse vem do grego APOKÁLIPSIS.
APOCALIPSE - Não escondido. Não oculto. Revelação. O livro do Apocalipse é uma Revelação da Pessoa Gloriosa de Jesus Cristo.
O Antigo Testamento falava que Jesus Cristo viria à terra (Luc.24:44). O Novo Testamento fala da vida de Jesus Cristo na terra.
Os Atos dos Apóstolos e as Cartas, falam da Igreja de Jesus Cristo guiada pelo Espírito Santo. O Apocalipse revela Jesus Cristo em glória, à direita de Deus como Sumo Sacerdote e Ministro do santuário celestial. Jesus Cristo é também apresentado no Apocalipse como o Supremo Juiz, diante de quem todas as nações deverão comparecer.
Na parte final do Apocalipse, Jesus Cristo é visto como Rei dos reis e Senhor dos senhores, para sempre reinando sobre os salvos no paraíso restaurado.
O livro do Apocalipse foi maravilhosamente organizado.  É bem possível que seja o mais bem organizado de toda a Bíblia.
Os capítulos 12 e 13 formam o centro do livro. E revelam o povo de Deus e o povo do Diabo. Um grande conflito entre os dois. Mas o povo de Deus vence pelo sangue do Cordeiro.
O que o Apocalipse quer nos mostrar como um todo é que o povo de Deus vence, e os inimigos de Deus perdem.
“No Apocalipse todos os livros da Bíblia se encontram e se cumprem”.  Atos dos Apóstolos, 585.
27 livros dos 39 do Antigo Testamento são citados no Apocalipse; e de seus 404 versículos, 276 são citações de outros autores bíblicos. Por isso, a chave para entender o Apocalipse é a própria Bíblia, e nada mais.

Etapas que o Apocalipse passou até chegar a nós:
Deus – Jesus – Anjo – João – Igreja – Mundo

 O Conteúdo do Apocalipse

I. INTRODUÇÃO (1:1-20)
Propósito
Lugar
Tempo
A revelação é introduzida por uma gloriosa aparição de Cristo que João descreve detalhadamente.

II.CARTAS ÀS SETE IGREJAS (2:1-3:22)
O Cristo glorificado dita sete cartas que seriam endereçadas às sete comunidades cristãs espalhadas pela Ásia Menor.

III. A VISÃO DO TRONO (4:1-5:14)
O profeta contempla o glorioso trono de Deus cercado de anjos, anciãos e demais adoradores.
Percebe na mão de Deus um livro fechado que contém o destino da igreja e do mundo.
Finalmente Jesus abre os sete lacres (selos) que fechavam o livro.

IV. VISÃO DOS SETE SELOS (6:1-8:1)
O profeta vê 4 cavalos coloridos com seus cavaleiros de guerra e então vê os mártires e o dia da ira do cordeiro.
A cena é interrompida e o profeta vê o número dos salvos (144.000), e a grande multidão no reino de Deus.
O sétimo selo revela um estranho silêncio no céu.

V. TOQUE DE SETE TROMBETAS (8:2-11:19)
O anjo do Senhor oferece incenso que representa as orações dos fiéis.
Em seguida sete anjos se preparam para tocar as trombetas.
O templo e o altar são medidos e duas testemunhas mártires profetizam vestidas de luto.

VI. A MULHER VESTIDA DE SOL (12:1-13:18)
Dois espantosos sinais são vistos no céu: uma mulher e um dragão.
O dragão planeja dar ao planeta o golpe final de sua ira. Do mar e da terra, ele convoca dois monstros mitológicos para perseguir o povo de Deus e reunir os homens sob uma mesma idolatria. É então fixado sobre os que não servem a Deus uma marca representada pelo nome da besta cujo número soma 666.

VII. AS TRÊS MENSAGENS ANGÉLICAS (14:1-20)
Os 144.000 selados aparecem novamente junto ao Cordeiro no Monte Sião.
O primeiro adverte do juízo iminente e conclama aos homens que adorem ao Deus Criador; o segundo anuncia a queda de Babilônia e o terceiro descreve os castigos sobre os que se submeteram à besta e a sua imagem.
Então se dá inicio à grande colheita escatológica de Deus.

VIII. AS SETE PRAGAS (15:1-16:21)
A multidão daqueles que não se sujeitaram ao poderio da besta aparece diante do trono divino cantando o hino de triunfo de Moisés.
Logo depois, sete anjos saem do santuário em direção à terra. Com pragas em seus cálices.

IX. O JULGAMENTO DE BABILÔNIA (17:1-19:10)
Um dos sete anjos leva João ao deserto e mostra-lhe Babilônia.
Ela é representada por uma meretriz. Ela está sentada sobre a besta. Ela ama os reis da terra. Um anjo do céu anuncia sua destruição e uma multidão no céu comemora a derrota de Babilônia.

X. EVENTOS FINAIS (19:11-20:15)
O céu se abre ainda de modo mais maravilhoso. Surge então Jesus e seu exército montado sobre cavalos brancos e vestidos de linho. O exército celestial vence o exército do inimigo.
Um anjo desce do céu e prende o diabo por mil anos. Depois ocorre o julgamento final.

XI. A DESCRIÇÃO DA NOVA TERRA (21:1-22:5)
João contempla o novo reino trazido pelo julgamento de Deus.
Nada de impiedade é ali visto, somente a alegria e o conforto eterno.
Vê também no alto de uma montanha a Cidade Santa descendo para a terra.
Deus e os remidos viverão juntos eternamente.

XII. CONCLUSÃO (22:6-21)
João conclui o livro testificando novamente que ele foi o que viu todas estas coisas e procurou descrevê-las o mais fielmente possível. Jesus adverte que nada pode ser alterado na visão e proclama a bênção sobre todos os leitores: “A graça do Senhor Jesus seja com todos”.

Apocalipse 21:1-8 (ler o texto) e Apocalipse 22:1-5 (ler o texto)

Jesus nos promete um mundo sem mais dor, maldade, indiferença, crueldade e morte. A nova terra será um lugar de paz, segurança, proteção e felicidade.
O ser humano terá de volta tudo aquilo que tinha e que perdeu por causa do pecado. A Bíblia começa com um mundo perfeito e termina com o mundo perfeito.
A vitória de Jesus é a certeza da nossa vitória também. Somos vencedores com Jesus. E por isso, Ele pode nos prometer a vida eterna.
Você deseja estar lá? Para isso é preciso pegar o caminho certo. Jesus disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida...” (João 14:6).
Nesse momento você deve fazer uma escolha – qual o caminho que você deseja seguir?
São 17 lições sobre as profecias bíblicas do Apocalipse. Os termas são apresentados de forma didática e interativa.

Guia de Estudo 01
Desvendando o Livro

A Bíblia é um livro que ao longo do tempo tem despertado sentimentos opostos: há os que duvidam de sua mensagem e a atribuem a tradição humana e os que acreditam em seu conteúdo, inclusive conformando sua vida com os padrões apresentados. Dos livros bíblicos, o Apocalipse recebe especial atenção por apresentar, de forma simbólica, como será o fim deste mundo. Temos motivos para crer na Bíblia? É o livro do Apocalipse algo compreensível e confiável?  O estudo a seguir nos ajudará a encontrar estas e outras respostas.
1 - Como foram chamados os homens responsáveis por transmitir as mensagens divinas? (Amós 3:7)

2 – Escreva abaixo o texto completo:

a) Toda a _________ é _________ por Deus... (2 Timóteo 3:16)

b) ...porque nunca jamais qualquer ________foi dada por _______humana; entretanto, homens santos falaram da ______________________, movidos pelo ___________________. (2 Pedro 1:21)

A Bíblia foi inspirada diretamente pelo próprio Deus, mediante o Espírito Santo. Ela foi escrita num período que abrangeu cerca de 1600 anos, por mais de 40 autores diferentes e com culturas distintas. As principais evidências de sua inspiração são: (a) sua unidade temática; (b) suas profecias cumpridas; (c) as provas da arqueologia; (d) a atualidade de seus ensinos e; (e) os milhões de pessoas que tiveram a vida transformada por sua mensagem.
3 – Em Apocalipse 1:1, encontramos o significado da palavra grega “apocalipse”. Escreva o termo:

O Apocalipse encontra-se no Novo Testamento e é o último livro das Escrituras (veja as divisões da Bíblia no Apêndice I). Seu autor foi o apóstolo João, que recebeu uma série de visões proféticas enquanto estava preso na Ilha de Patmos, por causa de sua fé em Jesus Cristo.
4 – Quais foram as etapas pelas quais a mensagem do Apocalipse chegou até nós? Apocalipse 1:1, 11, 19

Deus à_______________-àAnjo -à_____________-àIgrejas -à______________
Escreva abaixo:

5 – Uma síntese da mensagem do livro pode ser obtida em Apocalipse 19:1, 2 e 20:10. Indique o(s) número(s) da(s) alternativa(s) correta(s):

( 1 ) Bem e mal existirão para sempre e devemos nos conformar com isso;
( 2 ) A salvação, a glória e o poder pertencem à Deus;
( 3 ) O diabo e seus instrumentos de engano serão derrotados por toda a eternidade.

Jesus revela no Apocalipse o destino que Satanás terá quando seu poder for plenamente manifesto na Sua Segunda Vinda. Embora vivamos momentos de dor, pesar e sofrimento, a promessa divina é de que tudo isso vai acabar e que o reino eterno de Deus será estabelecido (leia Apocalipse 21:1 a 4; 22:1 a 5)
6 – Que afirmação Jesus faz quanto aquele que estuda o Apocalipse? Apocalipse 1:3

Quando conhecemos o conteúdo do Apocalipse e guardamos o que nele está escrito, podemos ter a certeza de que as promessas de Jesus se cumprirão em nossa vida. Ele nos promete um mundo sem mais dor maldade, indiferença, crueldade e morte. A Nova Terra será um lugar de paz, segurança, proteção e felicidade.

 Área Principal
 Sair/ HYPERLINK "http://www.bibliaonline.net/equipe/?acao=retorno&logout=sim&sessao=&lang=pt-BR"Logout

Tema 02 – Desvendando os Símbolos
 Por que crianças inocentes morrem nas guerras loucas dos adultos?
Por que bebês nascem defeituosos?
Aparentemente o mundo está de cabeça para baixo. Você clama, mas Deus parece estar em silêncio.
A mensagem de hoje nos mostra que Deus está interessado em colocar um ponto final em todo o sofrimento humano. Existe uma esperança para os seres humanos.
O livro do Apocalipse diferencia-se dos outros livros da Bíblia, pois não se interpreta o livro da forma como se lê. O livro do Apocalipse necessita ser decodificado.
Por esse motivo muitas interpretações equivocadas ganham espaço e notoriedade em livros sensacionalistas. Há uma direção para a correta interpretação do livro.
A própria Bíblia é a base segura para compreendermos as mensagens que Deus encaminhou a sua igreja nesse tempo.

Por que um livro que se autodenomina a “Revelação de Jesus Cristo” (Ap.1:1), tem tantos símbolos?

Estilo da Literatura: A mensagem profética tinha esta característica: codificar a verdade.
Perseguição: A profecia sempre denunciou o erro e exaltou a verdade. E para os inimigos da verdade não lhe destruírem, o livro foi escrito em símbolos.
Comunhão: Deus sempre quis o seu povo unido, buscando compreender o Grande Plano da Salvação. Um ajudando o outro.
Mistério: Para causar certa expectativa. Despertar interesse. Desafiar o leitor. Se tudo fosse fácil, haveria pouco ou nenhum interesse.
De onde vieram os símbolos usados no Apocalipse?
Da cultura do profeta;
De passagens do Antigo Testamento. (Jer.50 c/ Ap.18);
De passagens do Novo Testamento que estava em formação. (Mt.24:42, 43 c/ Ap. 3:3);
Dos livros apócrifos que o profeta conhecia. (IV Esdras 11 c/ Ap. 13:1. Ambos descrevem o poder romano como sendo um animal que sobe do mar);
Dos Targuns (traduções interpretativas do A.T. - explicavam os símbolos da Bíblia).
Da literatura gentílica. (Especialmente da Grécia);
O Apocalipse tem uma simbologia própria. (Estes símbolos são esclarecidos no próprio livro).

Principais Símbolos do Apocalipse Decifrados:

Símbolo Significado Texto Bíblico
Animal Rei, reino Daniel 7:17,23
Mulher Igreja, povo de Deus Efésios 5:22-32
Chifre Poder, reino Apocalipse 17:12
Águas Povos, multidão Apocalipse 17:15
Ventos Guerras, destruição Jeremias 51:1-5
Estrelas Mensageiros, anjos Apocalipse 12:4
Anjos Servos, mensageiros Apocalipse 1:20, 14:6-12
7 candeeiros 7 fases da igreja Apocalipse 1:12,13,20
Dragão Diabo, Satanás Apocalipse 12:9
Cordeiro Messias, Jesus João 1:29
Cauda Falsidade, falso profeta Isaías 9:15
Sol Divindade Salmo 84:11
Lua Promessa, palavra Salmo 89
Coroa Vitória, recompensa I Pedro 5:4
Dia Ano Números 14:34; Ezequiel 4:7


Números Simbólicos do Apocalipse

Números Significado
4 Universalidade
6 Imperfeição
7 Perfeição
12 Povo de Deus


Simbologia Simplificada:

Símbolo Significado
Animal Rei, reino
Mulher Igreja
Águas Povos
1 Dia 1 Ano
Ventos Guerras
Chifre Poder, reino
Tempos Anos
Cabeça Monte, rei
Cordeiro Jesus Cristo
7 Candeeiros 7 Igrejas
7 estrelas 7 anjos
7 anjos 7 líderes
Cauda Falso Profeta
Babilônia Igreja Falsa
Meretrizes Igrejas Falsas
Cálice/Taça Juízo Divino
Sol Divindade
Lua Palavra
12 Estrelas 12 Apóstolos
Coroa Vitória
144 Mil Povo Salvo
Meia hora 1 Semana
5 Meses 150 anos
42 Meses 1260 anos

Cores na Profecia

Cores Significado
Branco Pureza
Vermelho Sangue
Preto Impiedade
Amarelo Morte


Através desses e de outros símbolos, Deus apresentou as verdades para o tempo do fim.
E o que é a verdade?
Disse Jesus: “E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. (João 8:32). Onde podemos encontrar a verdade?

Deus Pai é a verdade – Jeremias 10:10 (ler o texto)
Deus Filho é a verdade – João 14:6 (ler o texto)
Deus Espírito Santo é a verdade – I João 5:6 (ler o texto)
A Bíblia é a verdade – João 17:17 (ler o texto)
A Lei é a verdade – Salmo 119:42 (ler o texto)

As mesmas verdades são encontradas no livro do Apocalipse:

Deus existe. Foi visto no trono - Apocalipse 4
Cristo existe. Foi visto no trono – Apocalipse 1 e Apocalipse 4.
Espírito existe. Ele está no trono - Apocalipse 5:6 e Apocalipse 1:4
Palavra é verdadeira. O Profeta foi testemunha - Apocalipse 22:6
Lei existe. Foi vista no Santuário Celestial – Apocalipse 11:19

As verdades do Apocalipse possuem um forte poder libertador. Liberta da insegurança, da fraqueza espiritual, da mentira religiosa.
As mensagens do Apocalipse nos trazem amor, paz, esperança e certeza.
Deus se importa com a sua vida e quer lhe revelar grandes verdades. Ele tem um caminho especial para você trilhar. Esse caminho é o que te levará para o céu. Mas essa decisão de andar pelo caminho ninguém pode tomar por você.
Hoje é o momento e a hora da sua decisão. Amanhã poderá ser tarde. O que você vai fazer?


Guia de Estudo 02
Desvendando o Personagem

Todo livro tem um personagem principal e o Apocalipse não é diferente. Conhecê-Lo ajuda-nos a entender o enredo e a mensagem da história. Este estudo tem como propósito responder algumas perguntas como: quem é o personagem principal do Apocalipse? Por que ele é relevante? Qual é o seu papel no plano profético?
1 – Quem é o centro da revelação no Apocalipse?  Apocalipse 1:1

Jesus Cristo, no Apocalipse, é identificado por 38 nomes e títulos diferentes. Nos primeiros três capítulos é mencionado 137 vezes e em todo o livro existem cerca de 250 referências a Sua pessoa.
2 – Assinale abaixo o número das características de Jesus descritas por João em Apocalipse 1:13 a 16:
( 1 ) roupa comprida                      
( 2 ) cinto de prata                          
( 3 ) cabelos brancos como a lã
( 4 ) pés como de diamante        
( 5 ) voz como de muitas águas
( 6 ) rosto brilhante como o sol

3 – Desde quando existe o Senhor Jesus Cristo? Digite os textos completos abaixo.

a) Glorifica-Me, ó _________, contigo mesmo, com a glória que ________tive junto de Ti, antes que houvesse ________(João 17:5)

b) De ti [Belém] me sairá o que há de _________ em Israel, e cujas ___________ são desde os tempos _________, desde os dias da ___________(Miquéias 5:2)

4 – Qual era a natureza de Cristo antes da encarnação? João 1:1, 2, 14

5 - Em Apocalipse 5:1 a 4, João vê o livro selado com sete selos que simboliza todo o destino da humanidade nas mãos de Deus. O profeta chora por saber que ninguém poderia abrir ou até mesmo olhar para aquele livro, até que ele vê o Cordeiro (compare Apocalipse 5:6 com João 1:29) pegar o livro das mãos do Pai (Apocalipse 5:6 a 8). Por que o Cordeiro foi o único Ser em todo o Universo a ter o direito de abrir o livro? Apocalipse 5:9 e 10.

A morte e ressurreição de Jesus são a garantia de que Ele é capaz de ter em suas mãos a soberania do mundo. Ele é poderoso para salvar a todos os que confiam nos méritos de Seu sacrifício (veja Hebreus 7:25)
6 – Identifique alguns títulos atribuídos a Jesus no Apocalipse.
Escreva-os abaixo:

a) Apocalipse1:5
b) Apocalipse 19:13
c) Apocalipse19:16
d) Apocalipse 21:6

7 – Com qual propósito Jesus veio ao mundo? 1 João 3:8

O Apocalipse descreve o conflito entre Satanás e Jesus de forma muito intensa. Esta batalha começou no céu e dirigiu-se para a Terra, onde envolveu a humanidade. Aqui, o diabo conseguiu espalhar a sua ideia de desobediência, provocando a entrada do pecado. Jesus veio a este mundo reverter as consequências das obras de Satanás derrotando-o e garantindo a vitória a todos aqueles que o aceitam como Senhor e Salvador.

Pastora Eliane (Jó)

Minha lista de blogs

REGISTRE SUA VISITA AQUI